O morcego é um animal mamífero da ordem Chiroptera cujos membros superiores (braços e mãos) têm formato de asas membranosas, tornando-os únicos mamíferos naturalmente capazes de voar.

Tradicionalmente, divide-se os quirópteros em morcegos propriamente ditos (subordem Microchiroptera) e raposas-voadoras (subordem Megachiroptera). Representam um quarto de toda as espécies de mamíferos do mundo. São pelo menos 1 116 espécies, que possuem uma enorme variedade de formas e tamanhos, podem ter uma envergadura de cinco centímetros a dois metros, uma enorme capacidade de adaptação a quase qualquer ambiente (só não ocorrem nos polos) e uma ampla diversidade de hábitos alimentares.

Os morcegos têm a dieta mais variada entre os mamíferos, pois podem comer frutos, sementes, folhas, néctar, pólen, artrópodes, pequenos vertebrados, peixes e sangue. Cerca de 70% dos morcegos são insetívoros, alimentando-se de insetos, sendo praticamente todo o restante frugívoros, ou seja, alimentam-se de frutas. Somente três espécies se alimentam exclusivamente de sangue: são os chamados morcegos hematófagos ou vampiros, encontrados apenas na América Latina.

Entretanto, os morcegos de modo geral são portadores de doenças que podem ser transmitidas ao homem e a outros animais: a raiva é a mais comum delas. O acúmulo das fezes também gera a proliferação de fungos que, se respirados, causam doenças de difícil diagnóstico.

O convívio direto, portanto, pode trazer riscos à saúde e alguns cuidados são aconselháveis, como vedar acessos ao telhado com telas e verificar a existência de telhas quebradas. No caso de haver morcegos alojados em sua residência, feche o acesso aos outros cômodos, abra portas e janelas que permitam a saída do animal e acenda as luzes, deixando o exterior mais escuro. O animal não deve ser manuseado, aprisionado ou atordoado de forma alguma. Simplesmente afugente-o sem tocá-lo. Alternativa é chamar o centro de controle de zoonoses para a captura. E, em caso de acidentes, procure um médico imediatamente.

Os morcegos contribuem substancialmente para a estrutura e dinâmica dos ecossistemas, pois atuam como polinizadores, dispersores de sementes, predadores de insetos (incluindo pragas agrícolas), fornecedores de nutrientes em cavernas e vetores de doenças silvestres, dentre outras funções. Possuem ainda o extraordinário sentido da ecolocalização (biossonar ou orientação por ecos), que utilizam para orientação, busca de alimento e comunicação.

Fonte:

https://pt.wikipedia.org/

http://estilo.uol.com.br/casa-e-decoracao/

Sumário
Morcegos :: BIOMAX Controle de Pragas
Nome do Artigo
Morcegos :: BIOMAX Controle de Pragas
Descrição
Os morcegos têm a dieta mais variada entre os mamíferos, pois podem comer frutos, sementes, folhas, néctar, pólen, artrópodes, pequenos vertebrados, peixes e sangue. Contribuem substancialmente para a estrutura e dinâmica dos ecossistemas, pois atuam como polinizadores, dispersores de sementes e são predadores de insetos
Autor
BIOMAX Controle de Pragas

A BIOMAX é especializada no controle de pragas em indústrias de alimentos, medicamentos e embalagens, em redes hoteleiras e hospitalares e nas demais empresas que procuram um programa sustentável com as exigências da Anvisa, da Norma ISO 22000, BPF, HACCP e Ministério da Agricultura. Utiliza o sistema de controle denominado Manejo Ecológico de Pragas (MEP) o qual une eficácia no controle das pragas e segurança para as pessoas e o meio ambiente. Atendemos toda a região Sudeste.