A ocupação dos espaços feita pelo ser humano faz com que animais silvestres tenham que se adequar aos ambientes urbanos e rurais. Um exemplo de animal que se inseriu no contexto das cidades e do campo é o pombo. Esta ave, apesar de parecer inofensiva, pode trazer danos à saúde do homem, pois carrega consigo diversos focos de doenças, infestando casas, indústrias e plantações com fungos e bactérias nocivas. Por isso, realizar o controle de pombos é uma tarefa não só das cidades, mas também das indústrias e do agronegócio, já que as fezes deste animal pode contaminar alimentos e produtos, causando prejuízo às empresas e a diferentes tipos de cultivos.

Por isso, neste texto vamos aprender o que é o controle de pombos e como fazê-lo de forma correta no meio industrial ou no agronegócio.

O que é o controle de pombos?

É a ação de prevenção e remoção de pombos em locais de risco, por meio da captura e em conformidade com a legislação aplicável. Através desta medida, os pombos indesejados são removidos de espaços como, indústrias, empresas, armazéns de produtos e alimentos e locais com grande circulação de pessoas, o que ajuda a prevenir doenças de trato respiratório e digestivo, evita a proliferação de fungos e bactérias nocivos à saúde humana e ajuda a controlar o desequilíbrio ambiental.

Este serviço é feito, geralmente, por uma empresa especializada em controle de pombos.

Uma boa empresa é a que segue todas as diretrizes de leis ambientais vigentes, atenta-se segurança e realiza ações específicas para prevenir o local de uma nova infestação, garantindo saúde às pessoas que ali convivem e segurança para os processos produtivos do contratante.

Porque é preciso retirar os pombos da indústria ou plantação?

Com seus habitats destruídos, vários tipos de animais integram os ambientes urbanos e rurais. Estes animais, chamados sinantrópicos, quando transmitem doenças ou causam algum dano à saúde do homem ou de outros animais domésticos ou rurais são considerados uma “praga urbana” e, por isso, ações de controle são necessárias para a garantia da qualidade de vida da população.

Apesar do pombo ser considerado uma ave dócil, ela é causadora de graves doenças respiratórias, nervosas e dermatológicas em seres humanos. Suas fezes abrigam fungos e bactérias que, quando secas, espalham pelo ar agentes causadores de Criptococose, Ornitose e até Salmonela. Por isso, estar em um mesmo ambiente que contenha ninhos de pombos pode comprometer a saúde dos funcionários de uma indústria. Além disso, pode também comprometer a integridade de armazéns e processos produtivos, seja ele industrializado ou natural.

Como se faz?

Vale lembrar que o pombo integra a fauna brasileira desde a época da colonização do paíse que matar pombos sem a devida autorização, configura crime contra o meio ambiente. ( Lei 9605 de12/02/98). Assim, a ação de controle de pombos  de acordo com legislação em vigor demanda conhecimento e técnica, sendo, portanto prudente a contratação de uma empresa especializada em tal serviço

Para estabelecer um controle de pragas eficiente, as seguintes medidas são necessárias:

1. Realização de uma análise prévia de ambiente

Inicialmente é preciso observar o ambiente em que o animal está inserido  conhecer suas fontes de alimentos e abrigos para ninhos. Uma análise prévia minuciosa do ambiente da plantação ou indústria é, portanto, medida que se impõe.

2. Identificação da espécie

O conhecimento dos hábitos e das necessidades da ave é de extrema importância  para realizar a tarefa de controle de pombos.

3. Captura dos pombos

As aves precisam ser retiradas do local e levadas para viveiros especializados no cuidado e controle da natalidade do animal. Apenas espantá-las pode fazer com que voltem a rondar e estabeleçam ninhos em outras localidades próximas, o que não resolverá o problema. Por isso, se destacam as empresas especializadas no controle de pombas que possuam viveiros próprios, pois garantem a qualidade do serviço prestado.

4. Elaboração de práticas de prevenção

Para eliminar o risco de haver outras pragas no mesmo local, medidas preventivas precisam ser instauradas para eliminar ambientes propícios à infestação, como a instalação de barreiras que dificultem a passagem do pombo e a criação de ninhos. Também há práticas de controle de natalidade, como a aplicação de ração anticoncepcional.

No caso das indústrias é importante instituir um plano de comunicação e treinamento para os colaboradores, para que se faça a correta identificação de vestígios da presença dos pombos tais como fezes ou ninhos, por exemplo. Reportar a presença da praga aos responsáveis e a tomada imediata de providência para que se evite a proliferação são pontos-chave nesse processo. A informação é a primeira medida para garantir a saúde dos seus colaboradores e a qualidade do processo produtivo.

Quer saber mais sobre controle de pombos em indústrias e no agronegócio acompanhe nosso site ou fale conosco para conhecer as soluções da BIOMAX para o controle de pragas.

Sumário
Controle de Pombos para a Indústria e Agronegócio
Nome do Artigo
Controle de Pombos para a Indústria e Agronegócio
Descrição
O controle de pombos é uma solução para indústrias, armazéns e agronegócio, já que a presença desta praga urbana pode comprometer processos produtivos, causando prejuízo às empresas.
Autor
BIOMAX Controle de Pragas

A BIOMAX é especializada no controle de pragas em indústrias de alimentos, medicamentos e embalagens, em redes hoteleiras e hospitalares e nas demais empresas que procuram um programa sustentável com as exigências da Anvisa, da Norma ISO 22000, BPF, HACCP e Ministério da Agricultura. Utiliza o sistema de controle denominado Manejo Ecológico de Pragas (MEP) o qual une eficácia no controle das pragas e segurança para as pessoas e o meio ambiente. Atendemos toda a região Sudeste.