Desde o começo de fevereiro, aracnídeos atemorizam moradores. Residência foi dedetizada duas vezes, mas a infestação continua.

A proliferação de escorpiões em uma casa do bairro Morumbi, em Piracicaba (SP), forçou os moradores a alterarem a rotina para evitar picadas. Desde fevereiro, ao menos 80 aracnídeos foram recolhidos dentro da residência. “Andamos olhando para todos os lados. Na hora do banho, ficamos atentos para ver se nenhum escorpião aparece. Quando vamos colocar roupas e sapatos, precisamos ter certeza que nenhum bicho está escondido nas peças. Nossa vida virou um tormento”, disse a manicure Lucilene Coppe, de 47 anos, que vive no local. Ela teme ainda pela saúde da neta, de 7 anos, que também mora na casa.

Nos últimos 45 dias a moradia foi dedetizada duas vezes, mas os escorpiões continuam atemorizando a família. “Na sexta-feira (15) apareceu mais um na cozinha. Não sei mais a quem recorrer. Já segui todas as orientações da Prefeitura. Tapamos todos os ralos. Dedetizamos a casa, mas não está adiantando. Preciso saber de onde vem os escorpiões”, disse.

Ao lado da casa de Lucilene fica uma residência onde há acúmulo de lixo e entulho. A manicure suspeita que os aracnídeos procriem ali. “Já fizemos mais de 10 reclamações na Prefeitura, mas nenhuma providência foi tomada”, afirmou.

Resposta da Prefeitura

A Secretaria da Saúde informou que uma equipe do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) esteve no local e orientou Lucilene sobre as maneiras de como evitar a entrada de escorpiões e outros animais. O CCZ orientou que, em caso de acidente com esses animais, deve-se procurar socorro médico o mais rápido possível.

No dia 21 de fevereiro, durante nova vistoria à casa, de acordo com o CCZ, foram encontradas as mesmas condições relatadas na primeira, ou seja, os ralos e as janelas continuavam sem telas. A moradora rebateu a informação oficial, dizendo que na ocasião havia cumprido as orientações.

O CCZ esclareceu que a principal via de acesso dos escorpiões para o interior dos imóveis são os ralos de esgoto, já que é na tubulação que os animais encontram alimento em abundância (baratas) e umidade. Além disso, não há predadores nestes locais, de acordo com o CCZ

Saiba mais sobre como combater Escorpiões aqui

Fonte: Jornal de Piracicaba

Sumário
80 escorpiões invadem moradia em Piracicaba
Nome do Artigo
80 escorpiões invadem moradia em Piracicaba
Descrição
Escorpiões atemorizam moradores. Residência foi dedetizada duas vezes, mas a infestação continua. A BIOMAX é especializada em Controle de Pragas
Autor

A BIOMAX é especializada no controle de pragas em indústrias de alimentos, medicamentos e embalagens, em redes hoteleiras e hospitalares e nas demais empresas que procuram um programa sustentável com as exigências da Anvisa, da Norma ISO 22000, BPF, HACCP e Ministério da Agricultura. Utiliza o sistema de controle denominado Manejo Ecológico de Pragas (MEP) o qual une eficácia no controle das pragas e segurança para as pessoas e o meio ambiente. Atendemos toda a região Sudeste.